Tempo:

Poucas Nuvens
Florianópolis
22,0º

Visite Floripa


Palhoça

Home Conheça Grande Florianópolis Palhoça
Grande Florianópolis - ver no mapa

Sobre Palhoça

No ano de 1651, Dias Velhos chegou a Ilha de Santa Catarina, denominando-a de Desterro. Em 1771, portugueses de São Vicente (São Paulo) fundaram Lages.
Nesse período houve a necessidade de ligação entre as duas localidades, resultando na abertura de uma estrada que ligava Desterro a Lages.
Poucos anos depois, em 1777, a Ilha de Santa Catarina foi invadida por espanhóis. Em decorrência da invasão, o governo decidiu construir duas povoações defronte a capital, na terra firme, como era chamado o continente. O objetivo principal dessas povoações era dar guarita aos desterrenses, além de servir de escudo militar à Ilha no caso de novas invasões. O governo decidiu ainda, povoar o sertão as margens do caminho que ligava a Ilha a Lages.
Da necessidade de criar um refúgio no continente, caso houvessem novos ataques a Ilha de Santa Catarina, fez com que em 31 de julho de 1793, o Governador Cel. João Alberto de Miranda Ribeiro enviasse oficio n. 07 ao Conde Rezende, vice-rei do Brasil. No oficio, o Governador incumbe a Caetano Silveira de Matos a construir palhoças para guardar farinha na estrada que ia para Lages. Nesta data, deu-se a fundação do povoado.

Observação: Palhoça possui um dos maiores mangues da América do Sul, praias nacionalmente famosas como a Pinheira e a Guarda do Embaú e ainda o Morro do Cambirela, com 1.043 metros de altura e que pode ser acessado por uma trilha íngreme, com 3h de duração.

Pontuação

8,5
ÓTIMO
Baseado em 1 avaliação

"Os destaques são a Pinheira, o Morro do Cambirela e as praias ao redor da Guarda do Embaú!"
Carlos Cappelini
24 de Fevereiro de 2013
+ comentários Faça sua avaliação

Na região

  • Coisas para Fazer
    Coisas para Fazer
  • Eventos
    Eventos



Filtro

Aprenda a usar nosso planejador

Meu plano de viagem

Efetue o login para visualizar

Formulário de Login Esqueci a minha senha! Não sou cadastrado!